05/05/2016
Maine Coon, Saiba Mais Maine Coon, Saiba Mais

É uma raça boa para famílias com crianças ou pessoas com outros pets, incluindo cachorros, com seu jeito calmo é também um bom companheiro para aqueles que nunca tiveram um gato. Existem várias teorias para a origem do Maine Coon, mas é certo que ele surgiu nos Estados Unidos. A raça é excelente para mostras.

Origem

As chaves da origem do Maine Coon estão em seu nome, sendo Maine seu estado de origem e Coon subtraído do termo guaxinim em inglês (Raccoon). É uma das primeiras raças originadas nos Estados Unidos, em 1953 foi criado, no estado de Maine, o Central Maine Coon Cat Club que servia para impulsionar a popularidade que essa raça desfruta hoje em dia. Existem muitas lendas em torno da raça, sendo a principal a que diz que o Maine Coon teria origem do cruzamento de gatos selvagens com guaxinins, por isso teria sua pelagem e cauda característica, no entanto essa combinação seria geneticamente possível.

É muito provável que a raça tem originado do Angorá trazido a América por marinheiros, gatos de várias localidades da Europa e gatos dos Estados Unidos, sendo assim uma das primeiras raças de gato originadas no país. Por um longo período gatos Persas e Siameses tiveram maior destaque do que o gato Maine Coon, no entanto por volta 1950 a raça passou a ter importância. Atualmente esse gato é mais selvagem e maior do que de inicio, não apenas por intervenção de criadores, mas também por seleção natural, uma vez que esses gatos são originados de uma localidade bastante fria.

Comportamento

O Main Coon é um excelente gato doméstico, divertido e afetuoso. Muito sociável, agradecerá a companhia de outro gato da mesma espécie, tem um instinto dominante sem se tornar agressivo. Seu temperamento é equilibrado e tranquilo. A raça Maine Coon é inteligente e hábil, sendo capaz de pegar alimentos com as patas do mesmo jeito que um guaxinim faz, além de conseguir abrir portas com as patas se assim desejar. O Maine Coon raramente mia, apresentam uma voz que não condiz com todo o seu tamanho.

Também é um amante da natureza, bom caçador e precisará de alguns passeios ao ar livre, tendo uma preferência por espaço. O gato Maine Coon vai se encaixar bem numa família ativa e com vários membros, apresentando também uma vontade em “ajudar” com qualquer atividade. A raça gosta de estar perto de pessoas, mas a maioria dos gatos Maine Conn não gostam de ficar no colo e não são completamente dependentes dos humanos, apreciando apenas estar por perto das pessoas.

Aspecto

O Maine Coon é inconfundível por seu tamanho e pelagem densa. No geral se tratam de animais grandes e fortes, com musculatura e estrutura óssea sólida. A cabeça apresenta forma de cone, tem tamanho médio, com focinho quadrado e nariz largo, muitas vezes convexo na extremidade. Possui orelhas grandes e pontiagudas, com inserção alta. Olhos grandes, inseridos afastados, são levemente ovais, mas ficam mais arredondados quando completamente abertos, todas as cores são permitidas, variando principalmente entre ouro e verde. Gatos Maine Coon de cor branca ou particolor pode apresentar olhos azuis ou dispares.

Sua pelagem é suave e grossa no corpo apesar de curta na cabeça, sendo desejável a presença de colar. Apresenta subpelo fino e suave. Seu pelo é adequado para todas as épocas do ano, lhe conferindo proteção no inverno, também lhe dá proteção contra água.  Todas as cores são permitidas, com exceção de chocolate, lilás, canela, fawn e colorpoint. Branco é aceito em qualquer proporção e deve estar presente em todos os padrões. O padrão mais comum é o clássico malhado marrom, mas se apresenta também em cores sólidas, padrão. tartaruga, padrão prata. Sua cauda é grande e espessa, apresentando bastante pelo. Os pés são grandes e ovais com bastante pelo entre os dedos. A maturidade do gato da raça Maine Coon é tardia e acontecer entre os três e quatro anos.

Cuidados específicos

O Maine Coon não precisa de uma atenção muito meticulosa, basta escová-lo semanalmente para o pelo não formar nós.

Saúde

Entre as doenças ou lesões mais frequentes se encontram as causadas pelo excesso de peso. Foram observados também casos de displasia coxofemural ou outras pequenas deformidades na articulação do quadril. Apesar de a raça Maine Coon ser resistente, ela também pode apresentar problemas como doença renal policística - de característica genética, não possui cura, mas tratamento para amenizar sintomas - e cardiomiopatia hipertrófica – ocorre espessamento da parede do coração.

Fonte: CachorroGato @ http://www.cachorrogato.com.br/racas-gatos/maine-coon/